Novidades

Afinal, assinatura eletrônica é segura?

Voltar | Por Besign 17/1/2022

Uma pergunta muito comum por quem vai assinar um documento online é se assinatura eletrônica é segura. Confira tudo sobre esta dúvida neste artigo.

A dúvida se assinatura eletrônica é segura ainda é muito comum, e já vamos começar nosso artigo falando que sim,

as assinaturas eletrônicas são seguras e, nesta postagem, abordaremos como funcionam as assinaturas eletrônicas e digitais e os recursos que ajudam a mantê-las seguras.

A otimização, agilidade e armazenamento da burocracia são elementos centrais ao mundo do trabalho e dos negócios na Era Digital, sendo que uma das marcas desse processo é a eliminação do papel e a adesão a novos recursos tecnológicos como, por exemplo, as assinaturas eletrônicas.

Contudo, nesse cenário muita gente fica em dúvida se existem diferenças entre a assinatura digital e a assinatura eletrônica e sobre qual delas aderir. Entenda melhor essas diferenças e porque a assinatura eletrônica é uma ferramenta segura.

Assinatura Eletrônica x Assinatura Digital

A assinatura eletrônica atesta a identidade das pessoas e empresas para acessar, compartilhar e aprovar informações, documentos e selar acordos no meio digital. Isso pode ser feito a partir de várias formas. Alguns exemplos são: biometria, senhas e token. Por sua vez, a assinatura digital é um tipo de assinatura eletrônica que tem especificidades.

Ou seja, a assinatura digital é uma forma de assinatura eletrônica criptografada, adquirida a partir de um certificado digital emitido pelo ICP-Brasil (Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira), o sistema nacional de certificação digital.

Dessa forma, para adquirir o certificado digital é necessário pagar algumas taxas, enquanto as assinaturas eletrônicas são mais simples e de fácil acesso. Além disso, elas possuem validade jurídica, ou seja, têm validade legal amparada pela LEI Nº 14.063 e a M.P. 2.200-2/2001.

Recursos de segurança da assinatura eletrônica

Se o mecanismo de segurança da assinatura digital é o certificado digital, no caso das assinaturas eletrônicas eles variam. Vamos entender melhor. Alguns dos recursos de segurança da assinatura eletrônica são:

1. Senha: a senha junto a um login criado pelo usuário é, certamente, o modelo mais clássico de se atestar a identidade.

2. Voz e SMS: Ao receber um código por SMS ou mensagem de voz, a pessoa comprova que é, ela mesma, que está realizando a ação, a partir da vinculação com o número do celular.

3. Biometria: é um importante recurso de validação, mas seu uso é restrito, porque a maior parte das pessoas não possui celular com a ferramenta de captação da biometria.

4. Token: é um dispositivo móvel que gera senhas.

5. Aceite Digital: em um click as partes envolvidas podem compartilhar documentos e, em concordância, darem o aceite digital selecionando a caixa de aceite dos termos de consentimento, o que geralmente é feito em plataformas que oferecem o serviço de assinaturas, nas quais o usuário já possui um login e senha de acesso, duplicando a segurança.

6. WhatsApp: a Besign oferece o serviço de assinatura eletrônica também através do WhatsApp. Isso significa que o usuário do serviço consegue usar a ferramenta de modo ainda mais dinâmico e, melhor, dentro do sistema de criptografia do próprio app, o que garante que a mensagem será lida e acessada apenas pelo mensageiro e receptor.

Conheça melhor as vantagens da assinatura eletrônica para sua empresa e, também, as transformações que o dinamismo do uso através do WhatsApp pode trazer para o seu negócio.

Compartilhe:

Confira nossas redes sociais: